Top

O que fazer em Bento Gonçalves

O que fazer em Bento Gonçalves: Pórtico Pipa

A Serra Gaúcha é um dos lugares mais procurados para turismo no Brasil, principalmente as cidades de Gramado, Canela e Bento Gonçalves, mas você sabe o que fazer em Bento Gonçalves?

Gramado e Canela formam a capital do chocolate e também a duplinha mais famosa do Rio Grande do Sul, enquanto Bento Gonçalves é a capital brasileira do vinho. Então, já viu que é o paraíso das vinícolas, né? hahaha

Sendo assim, confira neste artigo o que fazer em Bento Gonçalves, a cidade do vinho! Taças na mão e bora lá!

Antes de tudo, quando ir a Bento Gonçalves?

Apesar de Bento Gonçalves estar em uma serra, e consequentemente ser um dos lugares mais frios do Brasil, tem como escapar e pegar um calorzinho.

Então, se você não gosta de frio, vá durante os três primeiros meses do ano, que são os mais quentes, com os termômetros marcando 25ºC. E olha, 25ºC é a máxima da região hahaha

Por outro lado, caso queira sentir o real frio da Serra Gaúcha, viaje a partir de junho, época em que a temperatura é de, no máximo, 13ºC. Além disso, é o período menos chuvoso da cidade. Apesar disso, o ar não costuma ser tão seco.

Agora, para não pegar chuvas, evite o mês de setembro, no qual a precipitação é enorme.

Epopeia Italiana Bento Gonçalves

Como chegar em Bento Gonçalves?

Para ir até Bento Gonçalves, o ideal é desembarcar no Aeroporto de Porto Alegre (124 km), que aceita voos de todo o Brasil, diferente do Aeroporto de Caxias do Sul (45 km), que está mais próximo, porém, recebe voos apenas de São Paulo, das viações Azul e Gol.

A partir do aeroporto de Porto Alegre, há três opções de como chegar a Bento Gonçalves:

  • Carro: o melhor trajeto é feito pela Rota Romântica, que inclui a BR-116 e RS-235, e por fim, a RS-444. Recomendo usar o RentCars para alugar o veículo, pois o site sempre mostra os melhores preços e é muito confiável. Eu, por exemplo, só uso ele.
  • Ônibus: a viação Unesul é a responsável pelo trajeto Porto Alegre-Bento Gonçalves e as passagens são a partir de R$40, com trajeto de 3-4h.
  • Táxi: é a opção mais cara se você estiver sozinho ou em dupla, com a corrida batendo R$460.
Como chegar em Bento Gonçalves: rotas

Rotas da Serra Gaúcha. Paula Rocha

Vale a pena alugar carro em Bento Gonçalves?

A maioria dos atrativos de Bento Gonçalves estão afastados do centro, como é o caso do Vale dos Vinhedos e do Caminhos de Pedra. Até mesmo os ônibus não fazem o trajeto, sendo preciso recorrer a táxi e Uber.

Sendo assim, recomendo o aluguel de carro por questões de conforto e praticidade, já que até mesmo os transportes de passeios são um pouco limitados, sendo difícil achar um roteiro que possa te fazer conhecer tudo em um tempo legal.

Eu, por exemplo, só fiz a viagem Porto Alegre -> Gramado -> Canela -> Bento Gonçalves -> Porto Alegre porque estava com carro alugado!

Como chegar em Bento Gonçalves

Carro que aluguei em Porto Alegre. Paula Rocha

O que fazer em Bento Gonçalves: principais atrações

Bento Gonçalves é o destino que tem atrações para todos os gostos, desde para os mais aventureiros aos que preferem algo mais calmo.

Mas entre todas as atividades que podem ser feitas na cidade, algumas se destacam e precisam estar em seu roteiro. Então, vamos ver quais são elas?

Conhecer o Vale dos Vinhedos

O Vale dos Vinhedos é o que faz de Bento Gonçalves a capital do vinho. Isso porque ele fica na área rural da cidade, onde estão localizadas as vinícolas mais antigas e famosas da Serra Gaúcha.

Ou seja, é no Vale dos Vinhedos onde você vai experimentar os melhores vinhos do Brasil!

Afinal, Bento Gonçalves é a capital brasileira do vinho, e a bebida de lá realmente honra o título de melhor do país!!

Já nas vinícolas, você pode fazer degustação de vinhos, sucos, geleias… Tudo que surgir da uva! E além disso, ainda conhece todo o processo de produção regional e mergulha de cabeça na cultura da cidade, descobrindo mais sobre suas raízes e influências.

Entre os pontos que você pode visitar no Vale dos Vinhedos, recomendo:

  • Miolo Wine Group: a maior vinícola e a mais bonita, com degustação custando R$35 e com área para piquenique.
  • Lídio Carraro: uma vinícola pequena e familiar, com degustação custando R$45 com direito a espumante.
  • Casa Valduga: é literalmente um dos 1.000 lugares para conhecer antes de morrer de acordo com o New York Times e concordo totalmente! Nela, você participa de todo o processo da fabricação de vinho, podendo levar uma garrafa personalizada.

Pode te interessar: Melhores vinhos italianos para degustar

O que fazer em Bento Gonçalves: Vale dos Vinhedos

Parque de Aventuras Gasper

O Parque de Aventuras Gasper é uma atração fora da caixinha na Serra Gaúcha, pois é onde está a aventura de Bento Gonçalves: conta com arvorismo, escalada, bungee jump, tirolesa, escalada, rapel e tudo o que envolve natureza e esportes radicais!

Isso sem mencionar sua estrutura, que foi muito bem elaborada em um penhasco de 135 metros! Certamente, um lugar para os turistas aventureiros que não dispensam uma dose de adrenalina.

Mas se você for como eu e tiver as pernas meio bambas para arvorismo, recomendo ir para conhecer o local e passar um tempo em família, já que o parque também conta com extensa área para piqueniques, oferecendo churrasqueiras e mesas.

Para entrar, paga-se o valor de R$5, enquanto as atividades do parque têm valores à parte.

Passeio de trem na Maria Fumaça

Todos embarcando na Maria Fumaça, a locomotiva a vapor de Bento Gonçalves!

O trem Maria Fumaça possui 12 vagões e faz um passeio por 23 km de trilhos, indo de Bento Gonçalves a Carlos Barbosa. Porém, não é apenas o fato de ser um trem a vapor (raridade no mundo, aliás!) que faz a atividade ser tão procurada, mas também o que acontece em seu interior.

Ou seja, é dentro dos vagões que a magia acontece: espere por apresentações típicas italianas super animadas, danças bem bacanas, artistas mega acolhedores e interativos… E o melhor de tudo: degustação de vinho!

É uma imersão surreal na cultura gaúcha!! Certamente, um dos melhores passeios que fiz por lá!

Preços

  • Baixa temporada: R$150
  • Média temporada: R$168

Veja também: O que fazer em Garibaldi RS, a capital do espumante

Epopeia Italiana: uma imersão na cultura gaúcha

A Epopeia Italiana é uma atração incluída no passeio de trem Maria Fumaça, uma encenação que conta a história dos imigrantes italianos de forma temática e interativa.

Aliás, é uma das apresentações mais bonitas que já vi na vida, super bem feita e com vários cenários, com direito a roupas de época para tirar fotos e entrar completamente na vibe.

Além disso, no final tem degustação de vinhos e biscoitos, os quais você pode comprar se quiser.

Embora a degustação esteja inclusa no valor inicial do passeio da Maria Fumaça, caso não queira fazer a atividade do trem, pode pagar à parte R$25 para ver a Epopeia Italiana.

E eu recomendo muito, é um passeio imperdível!!!

Rota das Cantinas Históricas

Assim como o Vale dos Vinhedos, a Rota das Cantinas Históricas é um tour pela história do vinho de Bento Gonçalves, mas com o diferencial de ter paradas em estabelecimentos que estiveram na ativa por muitos anos e ajudaram a cidade a crescer.

Neste passeio, espere por produção familiar de vinhos, sucos, produtos coloniais e parada no Museu do Vinho. Certamente, uma visita interessante e apaixonante para os amantes de uva!

O que fazer com chuva

Bate um desânimo quando pegamos chuva nas viagens, né? E quando isso acontece, já pensamos “Vou ter que ficar no hotel”, mas esse não é o caso de Bento Gonçalves!

Por exemplo, quando chove na cidade, ainda é possível conhecer as vinícolas, que são os principais pontos turísticos da cidade, como também tem outras alternativas bacanas para conhecer mais da história gaúcha.

Sendo assim, vamos ver o que fazer quando estiver chovendo em Bento Gonçalves?

Conhecer a Matriz de Cristo Rei

A Matriz de Cristo Rei é uma construção em estilo gótica, inaugurada em 1954, sendo um bom lugar para conhecer a arte antiga local.

O que fazer em Bento Gonçalves com chuva: Igreja Matriz de Cristo Rei

Matriz de Cristo Rei. Paula Rocha

Capela de Nossa Senhora das Neves

Se por um lado a Matriz de São Bento tem a forma da pipa, a Capela de Nossa Senhora das Neves é feita de vinho!

Capela feita de vinho??

Isso porque, quando estava sendo construída, em meados de 1900, faltou água para molhar o barro que serviria para unir os tijolos, então usou-se vinho!

Bem diferente, né? A cara de Bento Gonçalves!

Visitar a Matriz de São Bento, a Igreja da Pipa

Com o formato de pipa (o barril no qual se coloca o vinho para envelhecer), a Matriz de São Bento faz uma homenagem à cidade do vinho, sendo um dos cartões postais que representam fielmente Bento Gonçalves, assim como o Pórtico, o portal de entrada do município.

Igreja da Pipa

A Igreja da Pipa. Isetecopat

Passeios para fazer à noite

Bento Gonçalves é uma cidade bastante urbana, o que me surpreendeu bastante, já que foi a cidade que fiz uma parada logo após conhecer Gramado e Canela, que têm uma vibe mais de campo.

Por outro lado, Bento Gonçalves tem muitos prédios e, principalmente, entretenimento à noite. Ou seja, espere por muitas baladas, restaurantes e bares, o que não acontece nas outras duas cidades, onde esse tipo de entretenimento é meio escasso.

Mas além desses lugares, bora ver o que fazer à noite em Bento Gonçalves?

Centro de Bento Gonçalves

O Centro de Bento Gonçalves é um charme, com construções datadas de séculos e bastante coloridas, além de ter muitas pracinhas e restaurantes com mesas externas.

Então, depois de um dia cheio de passeios pela área rural da cidade, aproveitar a noite no centrinho é uma boa pedida, assim, dá para relaxar e entrar em sintonia com o lugar.

La Fontana

Se Bento Gonçalves é a cidade do vinho, que tem uma igreja em formato de pipa e outra construída com vinho… É claro que teríamos uma fonte do vinho!

Ela fica no centrinho da cidade e sua água é arroxeada, como vinho tinto. Pela noite, fica iluminada e se torna um belo lugar para fotos, então, já inclua no seu roteiro!

La Fontana Chafariz de vinho

O chafariz de vinho de Bento Gonçalves. Luísa Jannowitz

O que fazer em Bento Gonçalves com crianças

Se você está indo com crianças para Bento Gonçalves, a cidade do vinho também tem passeios bem interessantes para os pequenos!

A Maria Fumaça, por exemplo, é uma ótima atividade, simplesmente apaixonante, e é para todos os públicos!

Mas além disso, Bento Gonçalves tem lugares bem interessantes para levar a criançada, então, bora ver quais são?

Fazer o Caminhos de Pedra

O Caminhos de Pedra é um roteiro de 12 km de extensão que conta com casas temáticas, cada uma especializada em alguma fonte de produção. Ou seja, é uma rota com várias atrações turísticas, excelente para ir com a família.

Em cada uma, encontra-se produtos feitos a partir da matéria prima da casa, além de atividades e museus interativos. E o melhor: são lugares que foram construídos e usados de verdade, sendo hoje construções tombadas.

Mas como são 12 km de extensão, vou sugerir as que mais gostei e as melhores para visitar, bora ver?

O que fazer em Bento Gonçalves: Caminhos de Pedra

Entrada do Caminhos de Pedra. Paula Rocha

Casa do Tomate

A Casa do Tomate era propriedade de uma antiga família que era a responsável pela produção e distribuição de tomates da região, e atualmente é composta por lojas de produtos artesanais e restaurante típico.

Recomendo muito a visita para provar as iguarias, em especial, o sorvete e a trufa de tomate. Também tem bala de tomate, mas achei que tem gosto de goiaba kkkkkk

Além disso, é um bom lugar para comprar lembrancinhas, como cestas de produtos do fruto, que variam de R$29 a R$50.

  • Entrada: R$3 por pessoa, crianças até 10 anos não pagam.

Casa das Cucas

A Casa das Cucas é o melhor lugar para fazer piquenique e provar o melhor dos bolos típicos da região! Em especial, tem-se o bolo de tabuleiro, feito com ovos, farinha de trigo e manteiga, todo coberto com açúcar, sendo bem comum na Alemanha.

Porém, o grande diferencial é realmente a área de lazer, que é uma imensidão verde e ainda conta com um grande lago. Ela é chamada de Jardim Encantado, no qual se paga R$29 / pessoa para entrar. Certamente, um dos melhores lugares para ir com as crianças!

Veja mais preços:

  • Bolos pequenos: R$12
  • Bolos grandes: R$20
  • Cesta de piquenique: R$104
  • Rolha de vinho: R$25

Casa das Massas

A Casa das Massas tem um jardim extremamente bonito e é conhecida por sua estrutura, totalmente tombada e que resgata a cultura dos séculos passados, quando os imigrantes italianos chegaram à cidade.

Por sua vez, a Casa das Massas é um ótimo lugar para ir com as crianças porque há uma grande diversidade de pratos, principalmente doces e bolachas, e ninguém é mais apaixonado por essas guloseimas quanto os pequenos, certo?

Casa da Ovelha

A Casa da Ovelha é a casa que ganha em número de atividades no Caminhos de Pedra! Por isso, recomendo fazer o Caminhos de Pedra durante dois dias, reservando um para a Casa da Ovelha.

As atrações começam às 9h, com a visitação iniciada onde estão as ovelhas que serão ordenhadas.

E sim, você pode tirar e provar leite de ovelha, assim como também pode amamentar, ordenhar e ainda cuidar delas!

E no fim do dia, ainda tem degustação dos produtos da casa, além do lugar também ter lojinhas de pelúcias e iguarias.

No entanto, confesso que achei as coisas bem salgadas. Por exemplo, um chaveiro custa R$28. Porém, recomendo levar o queijo de leite de ovelha, com preços a partir de R$12, variando do tamanho.

Certamente, é um passeio bem diferente e com várias coisas a se fazer, recomendo muito!!

Ingressos

  • Crianças de 0-5 anos: isentas
  • Crianças de 6-10 anos: R$40
  • Pessoas de 11-59 anos: R$80
  • Idosos acima de 60 anos: R$40

Festa de Vindima

Volte para 1870, encha uma bacia de uvas e as amasse com os pés para fazer vinho, assim como faziam os imigrantes italianos! Assim era produzido o vinho, e hoje você pode fazer da mesma forma na Festa de Vindima, a qual acontece de janeiro a março, época de colheita da fruta.

Além da atividade, que é a atração principal, tem música ao vivo, comidas típicas e é muito animado, sendo uma ótima pedida para se aventurar em uma nova experiência!

Passeios e atrações gratuitas em Bento Gonçalves

Em Bento Gonçalves, muitas degustações em vinícolas podem ser feitas de graça, assim como a visitação em muitas lojas e casas do Caminhos de Pedra.

Mas além disso, há outros pontos na cidade que formam os cartões postais da Serra Gaúcha, e o melhor: são visitas gratuitas!! Então, bora ver o que fazer de graça em Bento Gonçalves?

Pórtico de Pipa

Curiosamente, o ponto turístico mais famoso da cidade de Bento Gonçalves é apenas uma passagem. Mas como assim? Na verdade, é realmente bastante simples!

O Pórtico de Pipa, como é conhecido o portal de entrada da região, é um monumento que está na estrada, a poucos quilômetros do centro. Ele tem formato de barril gigante, igual àqueles em que o vinho fica guardado durante o envelhecimento, e esse barril é chamado de pipa.

É o local perfeito para tirar fotos e levar uma boa recordação de Bento Gonçalves.

Pórtico de Pipa de Bento Gonçalves, o que fazer na cidade de graça

Vale das Antas

O Vale das Antas é um mirante escondido em Bento Gonçalves, à beira de um trilho abandonado que é palco para excelentes fotos. Vale a pena ir se estiver no caminho de seus passeios, e a vista é incrível!

Casa de Artes

A Casa de Artes é o museu do artista gaúcho, com várias obras regionais feitas por artesãos da cidade, representando a origem e a cultura do Rio Grande do Sul. Certamente, uma visita interessante e enriquecedora, com quadros e esculturas belíssimas.

Onde comer em Bento Gonçalves

Olha, eu diria que os restaurantes em Bento Gonçalves são praticamente atrações à parte, porque é outra forma de conhecer a cultura local.

E em especial, três lugares precisam estar em seu roteiro, sendo um para café da manhã, outro para almoço, e por fim, um para jantar. Então, já anota aí as dicas:

Casa Fracalossi

A Casa Fracalossi é inteiramente de pedra e tem um ambiente muito bonito, com um jardim de cair o queixo! Aliás, espere ver muita uva em todos os jardins de toda a cidade, é mais comum do que flor hahaha

A Casa Fracalossi serve um belo café colonial por R$55 por pessoa, com opções de tortas, bolos e pães artesanais, além de, claro, o típico suco de uva como acompanhamento!

Mas se você não puder ir durante a manhã, o restaurante tem almoço italiano em formato de rodízio, por R$75 / pessoa, incluindo sopa de capeletti (uma das marcas da comida italiana), massas, carnes, saladas e sobremesas, que aliás, são enormes!

A propósito, é um lugar bem concorrido por estar no Caminhos de Pedra, então reserve com muita antecedência.

(Caminhos de Pedra, S/N. Tel.: 54 3455-6385)

Onde comer em Bento Gonçalves no Caminhos de Pedra: Casa Fracalossi

Perdi o café, mas fui para o almoço, hahaha! Paula Rocha

Giordani Gastronomia Cultural

O Giordani é a pedida ideal para almoçar no Vale dos Vinhedos e é extremamente concorrido, então chegue cedo e reserve mesa, sério! Almocei com minha família nele e lotou em cinco minutos.

Por sua vez, o Giordani funciona por rodízio colonial, e por R$89 você come à vontade e tem uma imensa variedade de pratos, com vários tipos de carnes, massas e sobremesas. Aliás, aqui você encontra macarrão com vinho, coisa que eu nunca tinha visto kkkkk

Ah, outra coisa interessante é que dá para comprar cerveja artesanal gaúcha, saindo R$22 o litro, bem em conta!

(Via Trento, Vale dos Vinhedos, nº 3671. Tel.: 54 3453-6884)

Restaurante Giordani Gastronomia Cultural

Pizzaria Verace Otto e Mezzo

Bento Gonçalves é uma cidade de origem italiana, e atualmente representa suas raízes muito bem, seja na arquitetura rural ou culinária.

Aliás, a gastronomia é tão levada a sério que as pizzarias importam alimentos da própria Itália, a fim de garantir o sabor puro e único.

Este é o caso da Pizzaria Verace Otto e Mezzo, que produz pizzas com farinha e tomates vindos da Itália, oferecendo um cardápio variado e 100% italiano. Outra coisa bacana é que não tem prato, você realmente come na mão, como acontecia quando a pizza foi criada.

Além do sabor, que é de literalmente outro país, o preço é muito justo:

  • Pizzas: a partir de R$22
  • Espumantes: a partir de R$65
  • Vinhos: a partir de R$55

Então, se você quer se sentir realmente na Itália, separe uma noite para conhecer a Verace Otto e Mezzo, vale muito a pena!

Onde comer comida italiana na Serra Gaúcha

Pizzaria Verace Otto e Mezzo. Paula Rocha

Onde ficar em Bento Gonçalves

Caso você queira economizar e ficar na cidade de Bento Gonçalves, a Pousada Lugama oferece diárias para casal abaixo de R$200.

Por outro lado, caso queira ficar no Vale dos Vinhedos, a Casa Vêneto é uma excelente opção.

Agora, se quiser uma opção luxuosa e bem fora da caixinha, o Hotel & Spa do Vinho é o grande destaque da região do Vale dos Vinhedos, oferecendo spa de vinho.

Veja mais opções de onde ficar em Bento Gonçalves aqui.

Então, essas são as nossas dicas sobre o que fazer em Bento Gonçalves! Boa viagem e depois volta aqui para me contar o que achou da capital brasileira do vinho.

Todos os nossos artigos sobre Bento Gonçalves

Está planejando uma viagem para Bento Gonçalves?

Então, confira nossos artigos sobre esse destino para se planejar melhor:

Leia também

Este post faz parte de uma blogagem coletiva com o tema “10 pontos turísticos de …“. Recomendo a leitura dos posts dos outros participantes abaixo:

Comentários

  • Felipe

    25 de maio de 2021

    Excelente dicas de Bento Gonçalves! A vindima é uma época muito bacana de conhecer a região!

    reply...
  • Moisés

    20 de maio de 2021

    Adorei este post super completo sobre o que fazer em Bento Gonçalves. Não sabia que havia tantas atrações legais. Obrigado por compartilhar.

    reply...
    • Paula Rocha

      25 de maio de 2021

      Olá Moisés, obrigada por seu comentário, fiquei muito feliz que tenha gostado!

  • nah Draghi

    20 de maio de 2021

    Que roteiro maravilhoso por Bento Gonçalves! Deu vontade de fazer todos os passeios e participar das apresentações e da vindima. Muito legal esse resgate da cultura!

    reply...

Envie um comentário