Menu

Maringá

Guia prático com dicas

Ver mapa

Maringá

Sobre

Fui a Maringá por causa de uma promoção de passagem aérea, passei um final de semana lá e super gostei.

  • Separei abaixo várias dicas de Maringá e espero que você curta essa viagem assim como eu!

A cidade tem pouco mais de 70 anos e só 400 mil habitantes.

Apesar de jovem e pequena, ela é muito importante para a economia brasileira, principalmente no agronegócio e aparece entre as 20 melhores cidades brasileiras para se morar.

👉 A foto acima é da Catedral Nossa Senhora da Glória e é o principal cartão postal da cidade. Linda demais!

Em formato de cone, ela possui 114 metros de altura, tem capacidade para 4.700 pessoas e é a escolhida para diversos casamentos, inclusive vi dois no dia que fui.

A catedral foi inspirada no Spoutinikki, o peregrino que se afasta do mundo para ficar mais próximo a Deus.

👉 Ela é o 10º monumento mais alto do mundo.

Maringá

Como chegar a Maringá

Onde fica Maringá

Maringá fica a 450km da capital paranaense, Curitiba, mas fica mais perto mesmo é do Paraguai, a 300km de Salto del Guairá.

As cidades turísticas mais próximas são Foz do Iguaçu a 430km e Bonito a 700km.

Como é o aeroporto de Maringá

🛫 Caso você more longe, o melhor jeito para chegar lá é voando ao aeroporto regional de Maringá (MGF), pois ele está localizado a apenas 10 km do centro.

🛫 O aeroporto conta com +/- 120 voo semanais e voos direto para Londrina, Curitiba, Cuiabá, Campo Grande, Porto Alegre, Campinas e São Paulo.

🛫 As principais companhias aéreas que operam lá são a Gol e a Azul.

Como ir do aeroporto de Maringá ao centro

O ônibus 528A sai do aeroporto e vai até o centro da cidade em 20 a 30 minutos e custa apenas R$4.

O táxi vai custar uns R$50 e o uber R$30. Se tiver sozinho e com pouca bagagem, recomendo o ônibus.

Maringá

Quando ir a Maringá

Apesar de Maringá ser uma cidade paranaense, não faz frio por lá. O mínimo é em torno de 18ºC, enquanto o máximo vai a uns 31ºC.

Com verão abafado e chuvoso, o melhor é evitar ir de dezembro a fevereiro. Quando digo chuvoso, quero dizer +20 dias de chuva só em dezembro.

Para mim, a melhor época para ir a Maringá é de abril a setembro. O melhor clima fica em julho e agosto: sem chuva e sem calor.

Maringá

O que fazer

Abaixo 7 pontos turísticos de Maringá:

  1. Catedral Nossa Senhora da Glória
  2. Parque do Japão
  3. Parque do Ingá
  4. Mercadão de Maringá
  5. Templo budista Jodoshu Nippakuji
  6. Ody Park Aquático
  7. Salto Bandeirantes

As 5 primeiras atividades da lista acima do que fazer em Maringá têm entrada gratuita!

Dica: existe um ônibus jardineira (city tour) que passa pelos principais pontos turísticos da cidade e cobra apenas R$2.

Ele sai da frente da catedral todos sábados, domingos e feriados às 15:00.

Maringá

Parque do Ingá

De todas as atrações da cidade, essa foi a que eu mais gostei.

O parque do Ingá é o principal parque de Maringá e foi inaugurado em 1971. Os seus 47,3 hectares impressionam pelo tamanho, paz e tranquilidade.

O parque possui uma excelente infraestrutura para receber moradores e turistas. Lá você encontrará um grande lago artificial e um lindo cenário arborizado.

O que fazer no Parque do Ingá

O lago dispõe de pedalinhos ao valor de R$7 por 15 minutos de passeio.

Outras atracões têm entrada franca:

  • Parque infantil
  • Pista de cooper
  • Bocha
  • Jardim Imperial Japonês
  • Museu
  • Linda gruta em homenagem à Nossa Senhora de Aparecida
    • Além de exercer suas funções de lazer, o parque também é usado para prática de educação ambiental e é o lugar ideal para fazer um piquenique ou até mesmo uma caminhada matinal.

      Horário de funcionamento do Parque do Ingá

      Aberto de terça a domingo das 8:00 às 18:00. Em períodos específicos fica aberto até as 19:00.

Maringá

Principais eventos

A cidade conta com grandes eventos:

  • Expoingá
  • O maior festival de música do Sul
  • Festival de Cinema de Maringá
  • Vários concertos de dança e peças teatrais

A Expoingá ocorre em maio e é uma das maiores feiras agro-industriais do Brasil.

A feira tem uma infraestrutura muito boa reunindo artistas famosos, boa culinária e diversão garantida para todas as idades.

A entrada custa R$10, podendo pagar meia entrada segundo as leis brasileiras.

Já o valor dos shows varia de acordo com o cantor e o setor escolhido, podendo custar de R$30 até R$300.

Veja mais sobre os eventos de Maringá.

Maringá

Onde comer em Maringá

Achei o preço da comida em Maringá super acessível e a variedade de opções também razoável.

Como a cultura japonesa é bem forte por lá, sendo uma das cidades brasileiras com mais japoneses, recomendo comer em pelo menos um japonês.

Os seguintes restaurantes eu fui e recomendo:

  • Momiji – o melhor japonês

👉 Oferece a la carte ou rodízio com muitas opções de pratos quentes e frios por R$82 cada pessoa. Imperdível se você curte japonês.

  • Pamonhas do Cézar – o bbb

👉 Trata-se de um fast food de pratos feitos com milho. Bem gostoso, barato e farto.
👉 Lá tem lanches, pratos executivos, pamonhas, doces, sorvetes, …
👉 Sugestões: prato de frango com creme de milho e suco por R$ 17 e não deixe de provar a pamonha doce com queijo por R$ 6.

Maringá

Onde beber em Maringá

Se você estiver atrás de uma cervejinha, então se liga nas próximas sugestões:

  • Cervejaria Holy Hops Tap Station

👉 Dentro do Mercadão de Maringá, nessa cervejaria você mesmo se serve!
👉 Você recarrega um cartão com uma quantia em dinheiro, escolhe uma cerveja artesanal, passa o cartão e ele cobra à medida que seu copo vai enchendo.

  • Cervejaria Cathedral

👉 Boa pedida para um sábado à noite.

  • Democráticos ou Afonsos – os baratos

👉 Para beber até a morte e gastar pouco, esses são os 2 bares mais conhecidos.

  • Wandão

👉 Para beber uma cervejinha gelada comendo um delicioso torresminho.

  • Flanningans

👉 Para um pub mais bacana.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Go top