Top

Roteiro de 7 dias na Islândia

roteiro de 7 dias pela Islâ

Se você está planejando uma viagem para terra do fogo e do gelo, nosso roteiro de 7 dias pela Islândia te ajudará no planejamento de tudo, desde recomendações de hospedagem até a descoberta das mais lindas e impressionantes paisagens.

Em nosso roteiro incluímos muitos pontos interessantes, como geyser, cachoeiras, praias de areia preta, vulcões, geleiras, montanhas e lagoas aquecidas, como a Blue Lagoon e a Secret Lagoon.

De todos os artigos que já escrevi sobre o meu país preferido no mundo, esse era o que faltava.

Preparamos esse roteiro de uma semana na Islândia, um guia super completo, com o que você precisa saber para fazer uma viagem incrível!

Bora lá ver?

Sobre o roteiro

No total são 1332 km para percorrer e realizar a volta completa na ilha pela famosa Ring Road, uma estrada circular que contorna todo o país.

Cabe ressaltar que no inverno, devido a neve, algumas estradas podem estar fechadas, portanto se atente à previsão quando programar a sua viagem para Islândia se o seu objetivo é dar a volta a ilha. Veja aqui a melhor época pra ir.

Com uma semana na Islândia, você tem tempo suficiente para conhecer todo o país por completo.

No entanto, caso tenha mais que sete dias poderá conhecer o país com ainda mais calma e realizar alguns desvios para conhecer mais atrações, como a observação de baleias em Husavik e algumas piscinas naturais.

Se você optar por fazer o roteiro de 7 dias na Islândia, se concentrem nas seguintes regiões: Península de Snaefellsnes, o Círculo Dourado e a Costa Sul.

A melhor maneira de realizar esse trajeto é à bordo de um Campervan ou de um Motohome. Mas você também pode ir pernoitando em hotéis diferentes. Aqui teremos dicas disso também 🙂

Roteiro de 7 dias pela Islândia

viajando de campera pela terra do gelo e do fogo

Vantagens de alugar uma Campervan

As vantagens de realizar a volta a ilha de Campervan ou de Motohome são várias:

  • Economia com hospedagem: você irá dormir no transporte que é todo equipado para passar a noite e precisará pagar apenas área de camping que é bem mais em conta que hotéis.
  • Dar a volta a ilha no seu tempo e do seu jeito: a ilha é pequena, portanto em 7 dias você irá conseguir dar a volta completa e conhecer todos os pontos turísticos.
  • Economia com passeios e translado: à bordo de um veículo você não irá precisar pagar passeios e translado para as atrações, portanto uma economia na sua viagem a Islândia.
  • Paisagens incríveis: ao realizar esse trajeto em um veículo que você mesmo vai dirigindo você poderá parar para observar tudo no seu tempo. Se prepare para ver lindas cachoeiras, canyons, lagos bem como vulcões, fiordes e muitas ovelhas!

Para saber como foi a experiência de viajar (e se hospedar) em uma Campervan confira o post “Viajar de Campervan pela Islândia”.

viajando de motorhome pela Islândia

viajando de motorhome pela Islândia. certamente um experiência bacana Paula Rocha

Roteiro de 7 dias na Islândia

Antes de dar inicio a este roteiro, é importante ver a hora da sua chegada no país, caso você não consiga alugar e pegar o carro ou campervan antes das 9 da manhã, prefira seguir no dia seguinte bem cedo!

Além disso, é importante ver a época do ano que você vai, alguns meses só tem 4 horas de luz solar. Então o roteiro teria que ser de mais dias.

Primeiro dia na Islândia

  • Começando Reykjavik e Terminando na Golden Circle – 295km
  • Tempo total de viagem: 4 horas e 15 minutos (podendo variar de acordo com o clima)

O primeiro dia começa em Reykjavik, capital da Islândia, retirando a Campervan que alugamos para dar a volta completa na ilha. Certamente uma Campervan vai ajudar muito no seu roteiro de 7 dias na Islândia!

Algumas pessoas optam por se hospedar na capital e fazer passeios bate e volta para as atrações turísticas, mas não recomendamos. Dessa maneira a viagem fica muito cansativa e muito mais cara! Portanto, não vale a pena.

A melhor maneira é dormir uma ou duas noites em cada cidade e ir dando a volta na ilha ao longo de 7 dias. Mesmo se tiver a bordo de um carro normal!

Nesse primeiro dia recomendamos já chegar, pegar estrada e deixar para aproveitar Reykjavik e arredores no último dia.

A dica é seguir viagem nesse dia até a região chamada de Golden Circle. Essa região é onde você encontrará boa parte dos gêiseres, cascatas além de crateras vulcânicas.

Além disso, é por aqui que você poderá avisar a Aurora Boreal caso o tempo esteja favorável.

Reserve esse dia para conhecer as atrações do Golden Circle. 

Como são os cavalos da Islândia

Em várias partes da estrada você vai encontrar os cavalos Islandeses. Paula Rocha

Atrações do Golden Circle e arredores

Parque Nacional de hingvellir

Nesse local você poderá explorar e saber mais sobre a cultura Viking. Esse é um dos parques nacionais mais famosos e um patrimônio mundial da Unesco na Islândia.

O parque está repleto de cachoeiras, igrejas antigas bem como ruínas e fendas no meio do Atlântico, o que significa que você estará caminhando em dois continentes / placas tectônicas: as Placas Norte-Americanas e as Placas Eurasiáticas.

Cabe ressaltar que a Islândia é o único lugar do mundo onde você pode caminhar em duas placas tectônicas diferentes.

Geysir

É aqui que você verá os gêiseres (nascentes eruptivas) incríveis que está em atividade, a cada 4-8 minutos é liberada água que pode chegar a mais de 40 metros.

Além disso, é necessário região que fica um conjunto de piscinas termais coloridas.

Cascata de Gullfoss:

Com altura de 32 metros e 70 metros de largura essa é uma das cascatas mais famosas da Islândia. A tradução de Gullfoss é “Quedas Douradas” e é exatamente assim que parece esse espetáculo da natureza.

Curiosidade: Essa é considerada a maior cachoeira da Europa.

Opcional: Passeio de Snowmobile e Secret Lagoon

O passeio de 4 horas em uma moto de neve costuma ser bem legal e Gullfoss costuma ser o ponto de saída e chegada. veja se é viável pra você ok?

A Secret Lagoon é um lago natural de águas bem quentes. Muito bom depois de um dia cansativo. Além é claro, de ser mais barata que a Blue Lagoon.

A secret Lagoon na Islândia é algo imperdível para se fazer

Lagoa secreta na Islândia: roteiro dia-1 Paula Rocha

Kerid

Um local com solo avermelhado ao redor de uma cratera vulcânica e com um lindo lago esverdeado em constante com o solo vermelho.

Você pode caminhar ao redor da cratera ou caminhar até a água, certamente renderá boas fotos!

Essa é uma ótima atração para visitar no Golden Circle se você quer fugir da multidão, ela costuma estar com menos movimento de turistas do que os famosos Gullfoss, Thingvellir e Geysir.

Como fui mais de uma vez na Islândia, consegui ver ele congelado 🙂

Recomendo dormir perto do Golden Circle se você for no inverno (dias curtos). Caso você faça esse roteiro no verão siga para Vik se der tempo.

Veja aqui os hotéis mais recomendados dessa região.

Vulcão ativo

vulcão congelado- roteiro Islândia dia 1 Paula Rocha

Segundo dia na Islândia

  • Começando em Selfoss passando por Vik e Terminando em Höfn – 272km
  • Tempo total de viagem: 3 horas e 40 minutos

Levante cedo e dirija em direção ao leste, que te levará por belas paisagens. Pare para admirar o famoso Cânion Fjaðrárgljúfur.

Confira algumas atrações que você poderá conhecer no caminho entre o Golden Circle e Hofn.

Atrações entre Golden Circle, Vik e Hofn:

Eyjafjallajökull Erupt

Esse é um famoso vulcão que entrou em erupção em 2010.

Skógafoss

Mais uma cachoeira que tem 60 metros de altura e 25 metros de largura. Além disso, às vezes aparece um arco íris sob suas águas.

Caso você queira ter uma visão ainda mais privilegiada dessa cachoeira você pode subir cerca de 525 degraus.

Skogafoss - as cachoeiras da Islândia

Skogafoss: Cachoeira de mais de 60 metros de altura Paula Rocha

dyrhólaey viewpoint

Esse com certeza é um lugar que você precisa dar uma passadinha, ums dos viewpoint mais bonitos de Toda Islândia.

Um paredão, onde parece ter uma grande porta para o oceano. Caso você tenha tempo pare em Vik, a cidadezinha é um charme, muito bonitinha mesmo, sem contar que é caminho.

Svartifoss

Localizada no Parque Nacional de Skaftafell essa cachoeira é bem bonita, ela é muito parecida com a praia de areia preta.

Reynisfjara

Pouco antes de Vík você encontrará uma praia de areia negra que é bem famosa. Ela foi usada como cenário em filmagens para Game Of Thrones.

Ótimo lugar para caminhadas e vistas do enorme Vatnajökull. A trilha mais popular dentro do parque leva à impressionante cachoeira Svartifoss.

Praia preta na Islândia Roteiro dia 2

Certamente a praia mais interessante e assustadora que eu já vi na vida. Roteiro Islândia dia 2. Paula Rocha

Seljalandsfoss

Uma cacheira com incríveis 63 metros de altura e que tem um grande diferencial: você pode andar por trás da cortina de água.

Ela faz parte do rio Seljalands. Certamente da estrada você conseguirá avistar a bela cachoeira de tão imponente que ela é.

Cachoeira Gljúfrabúi

Localizada ao lado de Seljalandsfoss essa cachoeira tem 40 metros de altura e é menos lotada e bem bonita também.

Lagoa Glaciar Jökulsárlón

Nessa lagoa você terá uma bela paisagem de grandes geleiras flutuando sob o mar

Essa região é onde ficam um dos maiores iceberg da região, além disso é de lá você poderá observar leões marinhos brincando entre os blocos de gelo.

Eu vi a aurora boreal lá. Além disso, também é um dos cenários de Game of Thrones.

Seguindo mais adiante você encontrará a Diamond Beach.

Islândia e seu lago azul fantastico

Zodiac Boat

Na região da Lagoa Glacial de Jökulsárlón você poderá fazer esse passeio de 1 hora.

É basicamente você fazer um passeio sobre a água em botes ou barcos, é uma forma se chegar próximo das placas de gelo.

Diamond Beach

Essa é uma praia que tem um visual bem bonito, uma mistura de glaciais com o mar em contrate com a areia negra. Os enormes pedaços de gelo sobre o mar lembram diamantes, por isso o nome da praia.

A nossa recomendação é passar a noite em Höfn.

Veja aqui os hotéis mais recomendados dessa região.

Terceiro dia na Islândia

  • Começando em Höfn e terminando em Seyðisfjörður – 281km
  • Tempo total de viagem: 3 horas e 50 minutos

No terceiro dia é hora de seguir para a costa leste do país. Ainda nos arredores de Hofn a primeira parada é a montanha Vestrahorn.

Esse será um dia mais tranquilo e você irá dirigir observando fiordes. Ao longo do caminha existem várias aldeias que você pode ir parando para conhecer as atrações, museus e restaurantes.

Um passeio imperdível pra colocar no seu roteiro pela Islândia é visitar as cavernas de gelo. coisa de outro mundo mesmo!

O melhor local para pernoitar nesse dia é em Seyðisfjörður.

O que fazer na Islândia? Visitar as cavernas de gelo

O que fazer na Islândia? Visitar as cavernas de gelo Foto: Luke Bitz

Quarto dia na Islândia

  • Começando em Seyðisfjörður e terminando em Reykjahlíð – 255km
  • Tempo total de viagem: 3 horas e 40 minutos

No quarto dia é hora de visitar Dettifoss, uma das cachoeiras mais famosas da Europa. Além disso, nesse dia será possível conhecer vários locais de filmagem de Game Of Thrones. Confira as principais atrações:

  • Dettifoss: Essa é uma das cachoeiras mais famosas da região e certamente deve estar no seu roteiro de 7 dias na Islândia! Ela é uma cachoeira com um volume de 500m cúbicos de água por segundo, além disso tem uma cor acinzentada. Certamente, vale a visita!
  • Lago Myvatn e Spa Termal Myvatn Nature Baths: local com piscinas termais aquecidas para você relaxar depois de um dia agitado. Foi nesse local que ocorreram filmagens da famosa série Game Of Thrones.
  • Parque Hverir: esse local tem um odor forte de enxofre e os turistas costumam parar apenas para ver pois lembra bastante Marte as formações do local. Certamente uma atração bem diferente na Islândia.

A dica do dia é pernoitar na cidade de Reykjahlíð e aguardar as aventuras do dia seguinte.

Veja aqui os hotéis mais recomendados dessa região.

O que fazer na Islândia - Glacial Fjallsárlón

cenários de Game of thrones na Islândia

Quinto dia na Islândia

  • Começando em Reykjahlíð e terminando em Akureyri – 175km
  • Tempo total de viagem: 2 horas e 25 minutos

Acordamos cedo e seguimos em direção à Húsavík, a capital da observação de baleias da Islândia. O local possui vários tipos de baleias e elas costumam aparecer com frequência.

Além disso, é nessa região de Husavík que você também poderá desfrutar de um passeio de barco bastante famoso e o ideal é concilia-lo com o passeio para ver baleias.

Após observar as baleias é hora de partir para Akureyri, a segunda maior cidade da Islândia.

Aproveite o percurso até lá e conhecer alguns pontos como a cachoeira Godafoss, que conta com 12 metros de altura e 30 metros de largura essa atração é chamada de “cachoeira dos Deuses”. São duas quedas de águas que desaguam em um rio de águas glaciais.

Para passar a noite recomendamos a cidade de Akureyri.

Veja aqui os hotéis mais recomendados dessa região.

As principais cachoeiras da Islândia

Cachoeiras da Islândia. Paula Rocha

Sexto dia na Islândia

  • Começando em Akureyri e terminando em Hellnar – 310 km
  • Tempo total de viagem: 4 horas e 05 minutos

Hora de seguir viagem e conhecer a Península de Tröllaskagi. Este belo trecho de estrada percorre a península montanhosa, proporcionando vistas deslumbrantes do litoral.

Aproveite para parar em Hofsos e mergulhar numa piscina termal deliciosa, com vista para os incríveis fiordes. Certamente será um ponto alto do seu roteiro de 7 dias na Islândia.

Em seguida, siga para Hvammstangi, uma cidade bem bonita que fica a poucos passos da maior colônia de focas da Islândia.

Siga em direção à península de Snaefellsnes, você irá se deparar com vários locais interessantes. Esta parte de Snaefellsnes é particularmente famosa pelos arcos rochosos, cavernas e colunas.

Portanto, um litoral muito interessante para admirar a natureza. Confira algumas atracões dessa região que valem a parada:

  • Igreja negra Budir. Localizada à beira de uma praia, a igreja negra de Budir é uma das igrejas mais famosas e fotografadas da Islândia. É também um local popular para casamentos islandeses.
  • Cachoeira Kirkjufellsfoss: os fãs de Game of Thrones podem reconhecer esta montanha como a visão que o Cão de Caça teve nas chamas.

O destino para passar a noite antes de seguir viagem para o sétimo, e último dia, é Hellnar.

Veja aqui os hotéis mais recomendados dessa região.

Montanha mais famosa da Islândia

Montanha mais famosa da Islândia.

Sétimo dia na Islândia

Começando em Hvammstangi e terminando em Reykjavik – 118km

Tempo total de viagem: 1 hora e 40 minutos

Opte por volta para Reykjavik bem cedinho. Chegando em Reykjavik conheça o Parque de Campismo Reykjavik, o centro da cidade, a piscina Laugardalslaug, a igreja Hallgrímskirkja e a zona histórica.

A primeira parada é a Rua Laugaveagur, uma das mais bonitas de Reykjavik e também rua principal da cidade. Você encontrará belas artes de rua, ótimos restaurantes, bares e lojas de souvenirs nessa rua. Passear a pé pela cidade é a melhor forma de explorar e conhecer mais sobre a história da Islândia.

A Igreja Hallgrímskirkja é um marco icônico da Islândia. Você pode ver esta igreja mais alta de qualquer lugar da cidade de Reykjavik. Esta é uma igreja luterana e está aberta ao público todos os dias.

Veja aqui os hotéis mais recomendados da região.

O que fazer na Islândia - igreja Hallgrímskirkja

Hallgrímskirkja – Igreja na Islândia Paula Rocha

A famosa Blue Lagoon ou “Lagoa Azul”

No final da manhã / início da tarde siga para a famosa Blue Lagoon, uma atração que merece uma boa parte do dia para você relaxar e recarregar as baterias antes de retornar para casa.

Blue Lagoon é uma das atrações mais populares de toda a Islândia e é parada obrigatória no seu roteiro de 7 dias na Islândia.

O Blue Lagoon possui águas cor de safira formado por piscinas geotermias artificiais dentro de um spa em meio a um campo de lava. Para acessar o local é necessário comprar ingresso (confira o nosso post sobre Blue Lagoonpara saber mais).

As águas do Blue Lagoon são ricas em mineiras e enxofre que possui propriedades benéficas para a pele.

Além de toda a beleza natura o Blue Lagoon é um complexo com uma ótima estrutura, além da imensa piscina com água vulcânica o local conta com: hotel, restaurante bem como clínica dermatológica, clínica estética, spa e muito mais.

Certamente mergulha na famosa “Lagoa Azul” é uma das experiências mais marcantes da sua viagem à Islândia. Deixar o Blue Lagoon para o último dia é uma ótima estratégica de roteiro já que fica mais próximo do aeroporto, cerca de 20 minutos.

Onde ficar na Islândia, perto da Blue Lagoon

Onde ficar na Islândia, perto da Blue Lagoon Paula Rocha

Veja aqui os hotéis mais recomendados dessa região.

Enfim, esse é o nosso roteiro de 7 dias pela Islândia! Confira agora o nosso post com contando a nossa experiência viajante pela Islândia em uma Campervan.

Todos os nossos artigos sobre a Islândia

Está pensando em viajar para Islândia?

Sabia que é o meu país preferido no mundo, eu gostei tanto que fui dois anos seguidos pra lá. Veja abaixo todos os artigos que eu escrevi sobre esse incrível país:

  1. Melhor época para ir a Islândia
  2. Onde ficar na Islândia
  3. O que fazer na Islândia
  4. Blue Lagoon na Islândia
  5. Dicas da Islândia
  6. Viajar de campervan pela Islândia
  7. Onde ver a aurora boreal
  8. Hotéis para ver aurora boreal
  9. Como fotografar aurora boreal
  10. Roteiro de 7 dias pela Islândia

Eu sou Paula Rocha, nascida e criada na pitoresca cidade de Pirapora do Bom Jesus, SP. Apaixonada pelos animais, pela cor rosa e por globinhos de neve. Gosto de cerveja gelada, comer sem frescura e de viajar o máximo possível pagando o justo. Bora viajar?

post a comment