Top

O que fazer em Jericoacoara

Jericoacoara - destinos próximos de Fortaleza Ceará

Conhecida como o Paraíso do Brasil, a Vila de Jericoacoara faz jus à fama que tem, porque Jeri parece um cenário milimetricamente criado para encantar qualquer um que passe por ela! Consequentemente, há muitas atrações turísticas por lá, então confira neste post o que fazer em Jericoacoara para aproveitar ao máximo tudo o que ela oferece!

Parte da Rota das Emoções, Jericoacoara é um destino que deve estar no roteiro de todo viajante, ainda mais se a próxima parada for o nordeste brasileiro.

A Vila de Jericoacoara está a 300 km de Fortaleza, na área litorânea do Ceará. Por isso, praias e lagoas são os principais passeios da região. No entanto, Jericoacoara é lar de outros belíssimos pontos turísticos.

Portanto, confira logo abaixo o que fazer em Jericoacoara.

O que fazer em Jericoacoara

Como Jericoacoara é lar de muitas atrações turísticas e belezas naturais, foi dividida em dois lados: Lado Oeste e Lado Leste. Isso quer dizer que há passeios próprios do lado oeste e outros próprios do lado leste.

Então, realizando os passeios por ambos os lados, certamente você terá percorrido Jericoacoara inteira! Mas para isso, recomendo ter, pelo menos, três dias de estadia na vila.

Aliás, todos os passeios são feitos de buggy, sendo necessário usar jardineiras para chegar em alguns destinos.

Os buggys acomodam até 4 pessoas, então é bastante viável dividir o valor, que é de R$350 por grupo.

Por outro lado, as jardineiras cobram R$50 por pessoa. Mas vale dizer que embora esses sejam os preços médios de ambos os lados, o lado leste é um pouco mais barato.

Dica: recomendo fechar pacotes de passeios e não visitar os locais separadamente, pois seria necessário alugar um buggy privado para cada destino, o que vai sair bem caro.

Além do buggy, também é possível alugar um quadriciclo que acomoda duas pessoas sob o valor de R$400.

Portanto, confira o que fazer em Jericoacoara nos lados leste e oeste.

Veja também: O que fazer em Fortaleza

Passeio pelo lado leste

  • Lagoa do Paraíso
  • Lagoa Azul
  • Árvore da Preguiça
  • Pedra Furada
  • Buraco Azul

Passeio pelo lado oeste

  • Mangue Seco
  • Lagoa da Tarajuba
  • Dunas

O que fazer em Jericoacoara: Portal do Paraíso, Alchymist Beach Club.

Lagoa do Paraíso

Sendo uma das atrações mais famosas de Jericoacoara, a Lagoa do Paraíso é a lagoa mais azul da região, com água azul claro e azul escuro, que se mesclam durante toda a extensão do canal.

Ela se assemelha muito com praia por ter dunas clarinhas, assim como as margens, e realmente dá uma confusão quando chegamos lá. Diferente, né?

Aliás, a estrutura da Lagoa do Paraíso é excelente: opções de restaurantes para todos os bolsos, redes na água, mesas nas margens e área preservada e limpa.

Literalmente, um paraíso!

Ah, é um ótimo lugar para levar as crianças, pois a corrente da água é bem calma e tem bons metros de fundo raso, sendo possível aproveitar bastante sem medo.

Conheça Canoa Quebrada, outro paraíso no leste cearense

Alchymist Beach Club

O Alchymist Beach Club é o restaurante e bar mais conhecido da Lagoa do Paraíso, com áreas vips, redes sobre as águas, sofás na areia, espreguiçadeiras e com muitos pontos propícios para boas fotos.

A estrutura é excelente e a decoração é bem bonita, chamando a atenção de quem passa.

Para entrar, é preciso pagar R$20 e então o uso de mesas, sofás na areia e redes é liberado.

No entanto, para usar a área vip, o valor é à parte, sendo de R$50/pessoa para zona de espreguiçadeiras e R$100/pessoa para a parte das camas balinesas.

Embora o Alchymist seja bem movimentado, o preço dos pratos não são para todos os bolsos, pois são bem carinhos. Apesar disso, ainda vale a pena aproveitar o local para relaxar e curtir a Lagoa do Paraíso.

Veja o post completo sobre onde comer em Jericoacoara.

O que fazer em Jericoacoara: Lagoa do Paraíso e Alchymist Beach Club.

Estrutura do Alchymist Beach Club. Paula Rocha

Lagoa Azul

A Lagoa Azul é um daqueles lugares que deixam a gente de queixo caído e com vontade de fazer morada.

Em tese, a Lagoa Azul é a mesma da Lagoa do Paraíso, pois as duas fazem parte da grande Lagoa de Jijoca. Porém, elas ficam em áreas diferentes, de lados opostos da imensa Lagoa de Jijoca.

Além disso, a Lagoa Azul possui menos movimento, assim como menos opções de restaurantes. Contudo, isso não é problema, pois a Lagoa Azul é linda e um ótimo local para relaxar.

Para chegar até ela, é preciso ir de buggy até certo ponto e depois atravessar a água com uma jangada. O preço da travessia é de R$20 e vale muito a pena.

Nela, é possível também passear de caiaque, o que é um passeio bem diferente e interessante.

Conheça a Lagoa do Portinho, no Piauí, parte da Rota das Emoções.

Lagoa Azul de Jericoacoara.

A Lagoa Azul não estava tão azul quando fui porque estava chovendo, mas ainda é um ótimo lugar! Paula Rocha

Pedra Furada

A Pedra Furada está na Praia das Conchas e consiste em uma rocha enorme, com uma fenda no meio, tal como um portal. Através dela, é possível ter uma bela visão do mar, o que cria um belo cenário para fotos.

Por sua vez, a Pedra Furada é bastante interessante, principalmente por ter sido criada naturalmente, sem intervenção humana. E isso fez dela um dos principais cartões postais de Jericoacoara.

Dica: Para chegar até a Pedra Furada é preciso realizar uma caminhada de 1 km a partir da praia, pois os buggys não conseguem prosseguir caminho devido às pedras. Portanto, lembre-se de estar com sandálias ou chinelos confortáveis e de levar óculos de sol.

Todavia, por ser um atrativo bastante famoso de Jericoacoara, a fila para chegar perto dela é bem grande, principalmente em época de alta temporada. Portanto, já prepare a paciência.

Uma curiosidade legal é que em junho e julho é possível ver o pôr do sol acontecer através do furo da pedra, tornando a visão ainda mais incrível.

Pode te interessar: conheça a Praia do Futuro, em Fortaleza

Árvore da Preguiça

A Árvore da Preguiça é uma árvore tombada que fica na Praia do Riacho Doce. Ela é bem conhecida pelo seu formato diferente, já que por conta do vento forte da região, acabou caindo, mas com as raízes firmes no solo.

Justamente por isso veio o seu nome, mas já aviso de antemão que não tem nada de preguiça na área da árvore. Isso porque tem uma fila enorme para chegar até ela, então nem adianta ter preguiça: o jeito é ficar em pé esperando… Ou não!

Dica de ouro: Converse com o motorista de seu buggy e pergunte se é possível passar pela Árvore da Preguiça no fim do passeio, já que geralmente ela é uma das primeiras paradas, por isso é tão cheia. De tarde quase não tem gente, sendo mil vezes mais tranquilo.

Árvore da Preguiça.

Praia do Preá

A Praia do Preá está localizada no vilarejo de Preá, ao lado da Vila de Jericoacoara, a apenas 12 km de distância.

Aliás, caso tenha a pesca como hobbie, aconselho a visitar Preá, pois é o lar dos pescadores e eles oferecem aluguel de barcos de pesca com preços bem bacaninhas.

Porém, isso faz com que Preá seja mais pitoresco do que a Vila de Jericoacoara, sendo menos estruturado. Mas vale a pena conhecer, pois o vilarejo é uma graça!

Por sua vez, a Praia do Preá é extremamente famosa devido à quantidade e tamanho das dunas, bem claras e macias. Além disso, o mar é bastante extenso e com águas cristalinas, criando assim um belo cartão-postal.

Embora famosa, a Praia do Preá não possui tantas barraquinhas, mas em contrapartida, tem muitas opções de hospedagem à beira mar e restaurantes ótimos, com sabor local.

E assim como a Praia Malhada, a do Preá é outro paraíso dos praticantes de kitesurf e windsurf, uma vez que os ventos são fortes, até mais fortes do que é na Praia Malhada.

Geralmente, os passeios passam rapidamente pela Praia do Preá, então, neste caso, aconselho a separar um dia para aproveitar com calma tudo o que ela oferece.

Aliás, a Praia do Preá tem acesso pelo lado oeste e leste.

Você sabia? Jericoacoara é um dos melhores destinos para passar a Lua de Mel!

Praia do Preá, ao lado de Jericoacoara.

Praia do Preá. Fran Barros

Mangue Seco

O Mangue Seco está localizado na Praia do Guriú, em Camocim, ao lado da Vila de Jericoacoara.

Dica de ouro: antes de fechar passeios em Jericoacoara, visite Camocim e busque pelos mesmos passeios, pois por Camocim ser menos conhecido do que Jericoacoara, os preços tendem a ser mais baixos e os roteiros são os mesmos.

O Mangue Seco possui uma paisagem bem diferente do que se vê nos demais passeios de Jericoacoara, uma vez que a praia é composta por vegetação seca (mas não morta), com raízes expostas e acinzentadas.

Por isso, à primeira vista, o local aparenta ser um lugar abandonado, entretanto, o Mangue Seco é muito preservado, com areia clara e limpa, água cristalina e azul.

A beleza é a vegetação diferente, que ainda serve de apoio para balanços e redes. Além disso, há muitas barraquinhas no local, com camping, redes e espreguiçadeiras confortáveis. Certamente, o Mangue Seco precisa estar no seu roteiro! É uma visão única!

Mangue Seco, Camocim.

Área do Mangue Seco de redes. Fran Barros

Lagoa da Tatajuba

A Lagoa da Tatajuba é uma linda lagoa que fica entre as dunas, que têm a areia mais escura do que as outras lagoas e praias de Jericoacoara.

Este é um bom lugar para passar o dia, com quiosques pitorescos e charmosos na margem da lagoa, além de redes dispostas ao longo da água.

No entanto, a área das dunas é um pouco pequena, então ficará um pouco apertado se for em época de alta temporada.

Aqui, é possível fazer tirolesa, com custo de R$15.

Conheça também outro paraíso do Ceará: Morro Branco, em Beberibe

Buraco Azul

O Buraco Azul é uma atração turística recém-inaugurada em Jericoacoara, na região de Caiçara, que consiste em uma fenda enorme e funda, cheia de água natural da chuva e bem azul. Sério, é lindo!

Inicialmente, o lugar seria uma rodovia, então foram feitas escavações na área. Porém, a construção foi parada por causa das chuvas de 2019, que encheram os buracos e deram vida ao Buraco Azul. As obras foram canceladas e a área foi oficialmente tida como zona de turismo.

Atenção: é cobrada uma taxa de R$10 na entrada.

Há redes nas margens e balanços, criando um ambiente propício para lindas fotos e descanso.

O que fazer em Jericoacoara: Buraco Azul.

Balanço no Buraco Azul. Fran Barros

Dunas do Pôr do Sol

Para conhecer as Dunas do Pôr do Sol não é preciso incluí-las em algum pacote de passeio, pois seu acesso é liberado e estão bem próximas da Vila de Jericoacoara, sendo possível ir a pé.

As Dunas do Pôr do Sol estão na parte central de Jericoacoara, sendo bastante visitadas a partir das 16h, quando o sol está prestes a se pôr.

Sua subida é um pouco cansativa, uma vez que as dunas são enormes de altas, mas olha, vale muito a pena quando se chega lá em cima!

Uma vez no topo das dunas, é possível ver o sol se pondo e refletido na água do mar, gerando uma visão de perder o fôlego. É incrível e precisa estar no seu roteiro, pois é nas Dunas do Pôr do Sol que o sol se despede da melhor forma.

Aliás, enquanto aproveita a tarde e o início da noite, aproveite para comprar algum lanche e bebida dos vendedores ambulantes que circulam pelas dunas, garantindo um bom momento.

Não deixe de conferir: Delta do Parnaíba, outro ótimo ponto para ver o pôr do sol.

Dunas do Pôr do Sol em Jericoacoara.

Pôr do sol no Café Jeri

Uma outra opção para aproveitar o pôr do sol na região da Vila de Jericoacoara, além das dunas, é o Café Jeri. O estabelecimento possui um rooftop ótimo para ver o pôr do sol.

Mas Mala Rosa, o que raios é rooftop?

Rooftop é o terraço no alto de um estabelecimento, geralmente restaurantes e bares. Assim, é possível ter uma vista panorâmica da região. E isso é incrível em Jericoacoara!

Aliás, no Café Jeri você pode curtir uma festa com DJ e aproveitar a variedade de drinks do local. Mas atenção: chegue cedo para conseguir lugar para sentar, ou reserve com antecedência, pois o local é famoso e muito procurado.

Pode te interessar: Quanto custa viajar para Fortaleza

O que fazer e onde comer em Jericoacoara: Café Jeri.

Café Jeri durante a noite. Paula Rocha

Praticar Kitesurf e Windsurf

Jericoacoara é lar de belas praias e um lugar com ventos fortes, o que a torna o local ideal para a prática de kitesurf e windsurf! São os esportes mais famosos da região, e vale muito a pena praticar!

E nem precisa ser profissional ou ter experiência, pois em muitas praias há clubes que dão aulas e emprestam equipamentos.

Então, que tal fazer algo mais radical e diferente em Jericoacoara?

Se for se arriscar, recomendo ir em junho e janeiro, pois é quando os ventos estão mais fortes.

No entanto, janeiro é o mês de alta temporada, o que pode complicar um pouco a questão da hospedagem. Porém, para evitar problemas, reserve com antecedência uma moradia e depois caia nos mares de Jericoacoara!

Todavia, para evitar superlotação, há demarcação nas praias e os esportes não são feitos na mesma zona: em uma área é o kitesurf, em outra, o windsurf.

Conheça a Praia do Coqueiro, um ótimo lugar para praticar kitesurf.

Esportes aquáticos em Jericoacoara.

Kitesurf na Praia Malhada. Paula Rocha

O que fazer em Jericoacoara à noite

A noite em Jericoacoara pode ser muito proveitosa, uma vez que as ruas são bastante agitadas e ainda é possível caminhar à beira do mar das praias que estão no centro da vila.

A Rua do Forró, também conhecida como Beco do Forró, é uma área bastante animada, com restaurantes com música ao vivo, festas com DJ aos fins de semana e entretenimento até para crianças, como parquinhos.

Outra pedida legal para fazer de noite em Jericoacoara é conhecer os restaurantes locais, que ficam bem charmosos durante a noite.

Você sabia que o Ceará tem um destino frio? Conheça Guaramiranga, a Suíça Cearense!

O que fazer em Jericoacoara à noite: conhecer o Beco do Forró.

Entrada da Rua do Forró. Paula Rocha

O que fazer em Jericoacoara em 3 dias

Caso sua estadia em Jericoacoara seja de três dias, faça os passeios do lado oeste no primeiro dia, que são um pouco mais distantes uns dos outros e carecem de mais tempo.

Já no segundo dia, aproveite a Lagoa do Paraíso e a Lagoa Azul, que estão bem próximas. No fim da tarde, siga para as Dunas do Pôr do Sol e jante em um restaurante local.

Por fim, no terceiro dia, aproveite para conhecer a Pedra Furada e relaxar na Praia Principal, no centro de Jericoacoara.

Assim, você terá conhecido os passeios mais famosos de Jericoacoara. E se correr mais um pouquinho, conseguirá visitar todos os pontos do lado leste. No entanto, aconselho quatro dias para isso.

O que fazer em Jericoacoara em 4 dias

Já em quatro dias de viagem, você pode acrescentar a visita à Árvore da Preguiça e ao Buraco Azul em seu roteiro, passando por todas as atrações turísticas famosas do lado oeste e leste.

Além disso, aproveite para conhecer mais da Vila de Jericoacoara, que tem bastante vendinhas de artesanato e ruas bastante movimentadas, principalmente pela noite.

O que fazer em Jericoacoara em 5 dias

Em cinco dias de viagem, com certeza dará tempo de conhecer todos os pontos turísticos mais famosos de Jericoacoara sem pressa!

No segundo dia, por exemplo, você pode passar o dia na Lagoa do Paraíso, aproveitando o lazer que o Alchymist Beach Club oferece, podendo fazer refeições em barraquinhas mais rentáveis.

Já no último dia, desfrute da Praia do Preá, que é bem estruturada, tem preços de comidas e bebidas bacanas e é uma praia linda. E quem sabe se arriscar no kitesurf ou windsurf, né?

Afinal, um pouquinho de adrenalina sempre dá um gostinho a mais nas viagens.

Quando ir para Jericoacoara: melhor época

A melhor época para ir à Jericoacoara é de agosto a dezembro, pois não há riscos de chuvas para cancelar os passeios e dias nas praias.

Além disso, as lagoas estão bem cheias, uma vez que costuma chover bastante no início do ano em Jericoacoara, o que enche os mares e dunas.

A pior época para ir à Jericoacoara, por outro lado, é de fevereiro a maio por conta do alto nível de precipitação.

Agora, se você não gosta de lugares cheios, evite também viajar em julho, novembro, dezembro e janeiro, já que é o período de alta temporada de Jericoacoara.

Consequentemente, o preço de onde ficar e onde comer ficarão maiores, assim como os valores dos passeios.

Todavia, caso sua única escolha seja ir nesses meses, garanta suas reservas de hospedagem o mais rápido possível, certo?

Onde ficar em Jericoacoara

O Essenza Hotel foi o pioneiro em Jericoacoara, à beira do mar e ao lado das Dunas do Pôr do Sol, então é uma ótima escolha para aproveitar Jericoacoara.

  • Verifique a disponibilidade aqui.

Por outro lado, caso queira economizar em hospedagem, indico a Pousada Baobá, que também está próximo ao mar e das dunas.

  • Verifique a disponibilidade aqui.

Agora, se você está viajando em grupos, recomendo a Villa Sabiá Eco Bungalows, pois além de estar na Praia do Preá, dispõe de bangalôs enormes e tem preço bacaninha.

  • Verifique a disponibilidade aqui.

Veja o post completo sobre onde ficar em Jericoacoara.

Jericoacoara é um dos destinos mais lindos e incríveis para conhecer no Brasil! Portanto, planeje-se com antecedência e aproveite ao máximo, principalmente as praias e lagoas.

Então, partiu Jeri?

Todos os nossos artigos sobre a Rota das Emoções

Está de viagem marcada para Jericoacoara ou planeja fazer a Rota das Emoções?

Então, confira todos os nossos artigos sobre esses destinos para se planejar e viajar melhor:

Jericoacoara

Lençóis Maranhenses

Piauí

Todos os nossos artigos do Ceará

Está viajando para o Ceará?

Então, confira nossa série de artigos sobre destinos desse estado incrível com todas as dicas para você aproveitar ainda mais!

Afinal, o Ceará é muito mais do que Jericoacoara e você precisa conhecer cada paraíso de lá!

Todos os nossos artigos de Fortaleza

Destinos perto de Fortaleza

Todos os nossos artigos de Canoa Quebrada

post a comment